FIRULAEVENTOSFIRULAPOSITIVA

Judiciário paulista participa da campanha “Outubro Rosa“

Ações objetivam prevenir o câncer de mama.

Fóruns e varas do Tribunal de Justiça de São Paulo participaram do Outubro Rosa, movimento internacionalmente conhecido pela luta contra o câncer de mama. A campanha ocorre anualmente com o objetivo de conscientizar a população quanto à importância do diagnóstico precoce e divulgar medidas preventivas, como o autoexame.

Na Capital, além de palestras e eventos promovidos pela Secretaria de Gestão de Pessoas (SGP) e sua Diretoria de Assistência e Promoção de Saúde, pela Coordenadoria da Mulher em Situação de Violência Doméstica e Familiar do Poder Judiciário de São Paulo (Comesp) e pela Escola Judicial dos Servidores (EJUS), servidores da Secretaria de Orçamento e Finanças e do 1º Juizado Especial da Fazenda Pública realizaram ações em apoio à campanha, como vestir-se de rosa em um dia específico, não somente as funcionárias mulheres, mas também os homens.

Nas comarcas de Juquiá, Piracicaba (2º Oficio cível), Praia Grande (1ª Vara  da Familia e Sucessões), Sorocaba (Unidade de Processamento Judicial das Varas de Família), Bragança Paulista (2º Ofício Criminal e 2ª Vara Cível), Taubaté (3ª Vara Cível) e Americana (Vara do Juizado Especial Cível e Criminal), magistrados e servidores também aderiram à ação e usaram a cor rosa para lembrar a importância de se abordar o tema no ambiente de trabalho.

Em Tatuí, os juízes e servidores organizaram a palestra “Soluções naturais para a saúde da mulher”, ministrada por Lidia Souza Zivtsac. As juízas Ligia Cristina Berardi Machado e Danielle Oliveira de Menezes Pinto Rafful Kanawaty participaram do evento, que aconteceu no dia 18.

Na mesma data, foi realizada no fórum de Itatiba a palestra “Prevenção do Câncer de Mama”, proferida pela médica ginecologista e obstetra Patrícia Magda Soares. A apresentação contou com a participação das juízas Renata Heloisa da Silva Salles e Juliana França Bassetto Diniz Junqueira e das funcionárias que trabalham na Comarca. A palestrante discorreu sobre a importância de se realizar o autoexame a fim de identificar, de maneira precoce, a doença e destacou a relevância da prevenção não apenas em mulheres, mas também em homens. Após a palestra o público pôde tirar dúvidas a respeito do tema.

Já na Comarca de Assis, o fórum local promoveu a “Doce tarde rosa”, em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde e o Curso de Enfermagem da Fundação Educacional do Município de Assis (FEMA), no último dia 23. Além de orientações técnicas para realização do autoexame de mama, foram disponibilizados exames de glicemia, aferição da pressão arterial e agendamento exclusivo do exame papanicolau para as servidoras do TJSP. As juízas Monica Tucunduva Spera Manfio e Marcela Papa Paes e o juiz André Luiz Damasceno Castro Leite participaram da “Doce tarde rosa”.

Também na Capital, foi realizado pelo quarto ano consecutivo, o Corte Solidário. Em parceria com a rede de cabelereiros Soho, a ação arrecada mechas de cabelo para a ONG Cabelegria (www.cabelegria.org), que confecciona perucas a pacientes em tratamento quimioterápico. Além dos fios, o valor arrecadado com os cortes (R$ 20 para cortes com doação de cabelo e R$ 30 para cortes sem doação), que totalizou R$ 5,2 mil, também foi doado à ONG.

        Outubro Rosa – é uma campanha de conscientização que tem como objetivo principal alertar as mulheres e a sociedade sobre a importância da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de mama e, mais recentemente, sobre o câncer de colo do útero. Surgiu em 1990 com a primeira corrida pela Cura, realizada em Nova York. O laço cor de rosa é o símbolo do movimento.

Comunicação Social TJSP – TM (texto) / AC e Divulgação (fotos)

Fonte: TJSP 

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar