FIRULAGERALFIRULAPOSITIVA

Comarca de Adamantina promove atividade de consciência ambiental para crianças abrigadas

Pássaros silvestres devolvidos à natureza.

O fórum de Adamantina, em parceria com a 3ª Companhia de Polícia Militar Ambiental de Presidente Prudente, realizou na tarde da última sexta-feira (25), na cidade de Adamantina, atividade com crianças atendidas pelo Centro de Recreação e Educação Infantil de Adamantina (CREIA), da Instituição Solidária Carlos Pegoraro, com objetivo de fortalecer a consciência ambiental e preservação da fauna nativa. Na atividade, foram colocados em liberdade 12 pássaros silvestres apreendidas em operações realizadas na região.

A atividade foi realizada na Casa do Garoto, sede da Instituição Solidária Carlos Pegoraro, onde funcionam uma creche e um abrigo para menores. As crianças tiveram contato com os pássaros ainda em gaiolas e puderam fazer a observação detalhada das espécies. Em seguida, o grupo se dirigiu a uma área de mata, ao lado da instituição, e, com ajuda das crianças, foi realizada a soltura dos animais em conjunto com as crianças, reintroduzindo assim os pássaros na natureza.

“É necessário, na educação infantil, propor rotinas e estimular as crianças para vivenciar e interagir com situações relacionadas ao meio ambiente, promovendo atitudes ecológicas, A formação de uma atitude ética e responsável é uma grande contribuição que a educação ambiental pode dar num mundo em crise como o que vivemos. Não se restringindo apenas à transmissão de informações ou à inclusão de regras de comportamento, a educação ambiental está engajada na construção de uma nova cultura”, destaca a juíza diretora do fórum de Adamantina, Ruth Duarte Menegatti.

As aves restituídas à natureza são das espécies trinca-ferro, tico-tico, pintassilgo, coleirinho baiano, azulão e canário da terra. “É necessário promover programas educacionais por parte das instituições educativas, ações como programas de conservação, melhoria do meio ambiente e a sociedade entre outros. A prevenção é a solução dos problemas ambientais”, afirmou Ruth Duarte Menegatti. Também participaram da soltura o comandante da 3º Cia PMAmb, capitão Júlio César Cacciari de Moura e os policiais militares sargento Benvenutto e cabos Fontana e Cícero.

Comunicação Social TJSP – VC (texto) / Divulgação (fotos)

Fonte: TJSP 

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar